24 junho, 2006

TerrorStorm

Estas são as primeiras imagens do novo documentário de Alex Jones: TerrorStorm. Vai ser apresentado hoje no American Scholars Symposium, uma conferência sobre o 11 de Setembro e a política externa norte-americana que se realiza este fim-de-semana em Los Angeles, nos EUA (e que promete algumas surpresas).

Jones é um activista que na última década realizou dezenas de documentários onde expõe os crimes dos políticos norte-americanos. Em TerrorStorm, que foi produzido em absoluto segredo, Jones analisa novamente a arquitectura do terrorismo global e a forma como os grandes atentados são utilizados para atingir objectivos políticos e sociais específicos, mas desta vez foca principalmente os grandes ataques que ocorreram na Europa. Nesta curta apresentação é abordado o facto de que todos os indivíduos alegadamente responsáveis pelo massacre nos comboios de Madrid a 11 de Março de 2004 tinham ligações não a movimentos políticos islâmicos mas sim às próprias autoridades espanholas, incluindo o líder da Tedax – a brigada de minas e armadilhas madrilena. Jones analisa também os atentados no metro de Londres em Julho de 2005, cujos supostos perpetradores têm igualmente ligações às autoridades, neste caso os serviços secretos britânicos MI6. Tal como nos ataques do 11 de Setembro, as versões oficiais dos acontecimentos em Madrid e Londres estão repletas de incongruências, tantas que no caso madrileno as investigações ficaram num impasse. Hoje, a maioria dos espanhóis acredita que ainda não lhes disseram a verdade sobre o que realmente aconteceu no 11 de Março.

TerrorStorm inclui entrevistas com Michael Meacher, ex-deputado britânico e ministro do Ambiente no governo de Tony Blair durante seis anos, que tem publicamente afirmado que «a Guerra contra o Terrorismo é uma fraude»; e com os antigos agentes do MI5 David Shayler e Annie Machon, onde denunciam que os serviços secretos britânicos financiam operações para executar assassinatos políticos, e dão novas informações sobre a estranha morte da Princesa Diana.

(Para visualizar o vídeo é necessário ter instalada a última versão do Macromedia Flash, que pode ser descarregada aqui)

View this post in english - Automatic translation provided by Babel Fish

Etiquetas: , , , , , , , , ,

|

Ligações de outros sites para este texto:

Criar uma hiperligação

<< Página principal